21 de jul de 2009

Yep..

E ontem foi o kart! Maldito kart! ¬¬' Por que maldito? Se minha máquina fosse boazinha, eu iria te mostrar o motivo: duas pernas com marcas roxas-esverdeadas. Deixa eu explicar. Eu e Rodrigo mal chegamos lá (depois de nos perdermos na Barra - a propósito, eu ainda tenho medo de ir pra Barra, mesmo estando com alguém conhecido, aquilo lá é muito largo e grande), e ninguém falou um simples 'oi', foram enfiando macacão, luvas, capacete, tudo na gente. De lá fomos pra sala de instrução. O titio falando e eu já me apavorando. Primeiro porque não sei dirigir nem no Mario Kart, e segundo que eu estava sem óculos, de noite, pista molhada, já previa algo ruim. Aqui você pode ver minha preocupação com isso:



Os primeiros cinco minutos são de adaptação na pista. Adivinha qual foi meu ponto de referência? Sim, a faixa amarela de acostamento, beijaria a bochecha do cara que inventou pintar o chão!
E daí começou a corrida. Volta vai, volta vem, girei. Como tinham dito, ergui os braços e esperei. O povo foi passando até que veio o Tony, um dos estagiários novos... e deu uma porrada no meu carrinho. Puuuuuuuuuutaqueopariu, cara**o, jurei que iria matar aquele moleque assim que saísse do carrinho. Mas não sabia quem era, porque o Rodrigo também estava com capacete verde. Eu sabia que tinha me machucado porque putz, estava doendo demais! Eu estava sem rumo, de verdade, porque a viseira estava cheia de respingos das poças gigantes que tinha na pista e eu estava sem óculos.. e porque eu estava querendo chorar, estava com uma dor mortal, cara... Terminou a corrida e eu não sabia como iria sair dali de dentro do carrinho, então o moço me ajudou a sair. Primeira providência foi tirar o capacete, estava me sentindo sufocada, e depois secar os olhos. Cara, eu estava com muita dor, e toda ensopada. Parecia que eu tinha tomado banho de roupa e tudo! E também me vinha o Rodrigo na cabeça, porque ele foi pra Sampa gripado, voltou rouco e era noite, frio, vento... nada colaborava (mas ele está bem, então fico mais calma). Numa hora, fui no banheiro ver se tinha machucado. Dois roxos: o da perna esquerda tem o tamanho de uma mão fechada e é só roxo. O da direita, esse sim, é um verdadeiro mini hematoma! Ele é roxo com verde com umas coisinhas vermelhas, do tamanho de uma moeda de um real. No meio das pernas fica um treco de ferro, que é onde tem o volante (duro pra dedéu), e foi nesse ferro que eu bati. Como bati, se os machucados são do lado da perna? Incógnita! E meu braço também dói, a parte mais próxima das costas, da pancada... Nem ficamos lá muito tempo, viemos logo pra casa. Ele me deixou aqui e foi pra dele. Aí chegou lá e me ligou. Segundo ele me falou hoje de tarde, fez a mesma coisa que eu: tomou um banho quente, pôs uma roupa bem quentinha e se jogou debaixo de um cobertor ainda mais quente xD

Sei que agora tenho dois roxos matantes nas duas pernas e que estão doendo pra dedéu. Eu sabia que voltaria com algum hematoma, é sempre assim, sempre que eu saio ou se mesmo fico em casa, me machuco. Nem comento da semana passada, quando quase enfiei o salto do sapato na perna tentando pegar coreografia. Caso!

Eu ia sair hoje, pra colocar currículo, mas não conseguia nem andar direito. Nem preciso dizer que "morguei" o dia inteiro. Coloquei uns vídeos engraçados pra baixar... vi meus vícios, Law & Order SVU *-*

Acho que é só.. não tenho muito pra falar, so...
ah, minha "filha" Melli está indo para a viagem de formatura dela (olha que filha chique, vai pra Puno - se eu morasse no Peru... xD)! HAVE A NICE TRIP, MELLI-AH! *-*

e tchau procês
x

1 comentários:

meliissa disse...

Pra minha omma ~ sim, eu nao farlo bem, portugues, como você espera.
en fim!
Komawo omma, THANKS FOR EVERYTHING..
for best wishes.. and I WONT die in Puno, even that the HOT >>> KYAAAAAAAA! NO HOT, IS COOOOLD *loove it* actually.. I will look as a POOOOOOOLAAAAAAAAAARRRRRRRRRRRRRRR bear. KEKEKEKEKE, fica bem, miin is going to LOVE?!!! me mooore. (:

eu amo'te minha omma.
Im going to miss youuuuuuuu! *-----*
take care eh? ~ take care meu miin tambem!

<33333333333